Voltar Inema SISNEMA Informatica Sites Pessoais Busca Agenda Proxima Semana English Version
Menu INEMA
.
Evento
12712
.
Incluir na PP
 
Confira como foi a Trilha Tajuva 2009/2010

No dia 30 de dezembro de 2009. Data inesquecível. O que era para ser mais um trilhão na conta, transformou-se numa odisséia que só foi terminar em 2010, mais precisamente no dia 02 de janeiro de 2010, com o resgate das motos na serra da Tajuva/RS. Confira o relato.

Como sempre faço, planilhei um trilhão no Google Earth e repassando os dados para o GPS, saimos de Xangrilá em direção a Serra da Tajuva (interior de Morrinhos do Sul, pertinho de Três Cachoeiras). Tinha a idéia de subir a Tajuva, mas na hora, decidimos ir "por cima", pois o caminho nos parecia bem mais interessante. Assim, fomos (Heron, L Fernando, Rogério e Baú) em direção a serra, sempre sem asfalto, passando por Capão da Canoa, Terra de Areia, Três Cachoeiras, Itati, Josafaz e finalmente Tajuva).

No caminho, tentamos algumas trilhas em direção a Tajuva, mas acabamos desistindo e subimos um pequeno trecho da Rota do Sol, entrando em Josafaz. Paramos para conversarmos com os moradores locais e, de um senhor conhecedor da região, ouvimos: "Na Tajuva vocês vão ter que carregar as motos. Só desce se um ajudar o outro". Pensamos: Vamos até lá perto, se a coisa ficar muito feia, nós voltamos! E seguimos em direção a Tajuva.

Abrindo e fechando porteiras fomos em frente, sempre guiados pelo GPS. Aos poucos, a trilha começou a aumentar o nível de dificuldade. Riachos escorregadios renderam alguns tombos, mais adiante, pedras lisas, mato, barro, atoleiros de respeito e grandes descampados que só eram possíveis de serem passados graças ao GPS. Tinha parceiro querendo voltar... mas vamos mais um pouco em frente. 17horas, começando a chuva, ainda bem, pois estava muito quente.

O terreno, molhado, foi ficando mais trabalhoso e algumas descidas com muita pedra, renderam mais alguns tombos. O cansaço estava pegando, a fome também e a água terminando, mas a Tajuva estava cada vez mais perto. Nos perdemos um pouco para achar a descida da serra. Estavamos a 900mt de altitude. Anda para cá, anda prá lá, achamos finalmente a descida da Serra da Tajuva. Nessa altura do campeonato achamos que pelo adiantado da hora (+/- 17.30h) com sol das 16.30h, daria para encarar a descida da Tajuva, pois seriam aproximadamente 2 a 3 km e estaríamos novamente na civilização.

Então começamos a descida. No início a trilha já mostrou que não seria fácil passar por ali. Fomos em frente. Disse um:"Agora não dá mais prá voltar" e assim começamos, lentamente, a descer, pedra por pedra, a trilha da Tajuva. O avanço foi ficando cada vez mais lento. Começamos a ajudar a passar moto por moto. A dificuldade aumentando, o stress pegando, motos caindo e trilheiros chegando a exaustão. Já sem água e comida e completamente exaustos, a descida não rendia mais.

Correia soltando, trancando no pinhão, mais 30/40 min para conseguir soltar. 19.30h – não tínhamos mais forças, resolvemos descer a pé um bom pedaço para ver se achávamos o fim. Resultado: o pior estava por vir, com descidas ingremes, estreitas, de muita pedra e com o paredão de um lado e do outro um peral de respeito. Não dava prá errar, mas não tínhamos condições de continuar. Com a noite chegando, abandonamos as motos no meio da trilha e resolvemos descer a pé.

Descendo já quase no escuro, tomando tombos e completamente exaustos chegamos ao fim da trilha depois de quase uma hora de caminhada. Ainda caminhamos mais uns 2 km com chuva e no escuro até acharmos uma casa para nos socorremos. Seu Genésio e sua esposa, graças a Deus, nos receberam muito bem. Alguns litros de água, uma cachacinha caseira, rosca com ovo e começamos a nos recuperar.

A Esposa do L Fernando veio nos buscar e com muito esforço consegui nos achar. Uma da manhã estávamos de volta a Xangrilá. Como o cansaço era grande, resolvemos deixar o resgate das motos para o dia 2, pois 31 não dava e muito menos o primeiro do ano. Tinha companheiro querendo deixar a moto por lá mesmo. Dia 2: O resgate: Nos encontramos novamente em Xangrilá. O Baú teve a feliz idéia de trazer dois TRILHEIROS de primeira linha, acostumados com tranqueiras das brabas.

O "Seu" e o André, se prontificaram a ajudar na descida das motos. Enquando isso, o L Fernando descia de Floripa e nos encontraria na Tajuva para o resgate. Eu, convoquei a família pra ajudar (2 cunhados e dois sobrinhos). Assim, subimos a Tajuva, pelas 10.30h da manhã de 9 pessoas para resgatar as 4 motos, além de muita água, comida, cordas, etc. Na subida, foram todos ficando impressionados com a dificuldade que seria descer com as motos. Mais de uma hora de subida, chegamos finalmente as motos. Começamos a descer as 4 motos ao mesmo tempo.

Nas maiores dificuldades todos se ajudavam e em outros trechos, alguns conseguiam descer sozinho com a moto. A trilha estreita e a possibilidade de cair no "buraco" deixavam o resgate perigoso e lento. Como já tinha dificuldades para me manter em pé na moto, o "Seu" deu aquela barbada prá mim, levando a minha moto até o fim da trilha. Assim, fiquei no apoio, ajudando nos pontos de maiores dificuldades. Acabamos chegando ao fim da trilha pelas 17/18h o que significa, 5 horas para descer aproximadamente 1,5km da trilha.

Todos exaustos, alguns machucados sem maiores gravidades,recuperamos o fôlego e descemos até a casa do seu Genésio e encerramos finalmente a trilha da Tajuva. Lugar especial. Natureza intacta! Vai um "muuuuito obrigado!" especial para o Seu Genésio e sua esposa Dona Nelci que nos receberam à noite e nos trataram com muito carinho. Para o "Seu" e o André, trilheiros de alto nível e parceiros de primeira grandeza. Para o Beto, o Sérgio, o Juliano e o Rafael, cunhados e sobrinhos, que na hora do aperto não cairam fora e abraçaram a causa comigo e também para os companheiros da pior e melhor trilha que já fiz na vida (Rogério, L Fernando e Baú). Valeu!

Essa será inesquecível, mas essa eu não volto nunca mais.... Heron Flores

Fonte: Heron Ricardo Flores
Cidade: Morrinhos do Sul-RS-Brasil
Fotos: Heron Ricardo Flores
Publicado: Fernanda Cristina Gonzales Ferreira
Date: 30/12/2009 <%insert_data_here%>


.

.

.

.

.

.

.

.

.
  Evento 12712 - Trilha Tajuva 2009/2010

   Aqui os Albuns e Fotos



  Outras matérias relacionadas:

  30/12/09 - Confira como foi a Trilha Tajuva 2009/2010
  31/01/10 - Equipe Suzuki Racing 2010
  07/02/10 - Equipe Suzuki correu na abertura do Campeonato Paulista 2010

English Version: The specified statement did not generate any data
 
Envia Mensagem para a Fonte
Cria Matéria neste Evento
Cria Album neste Evento
  Aviso Legal
Rua Washington Luiz, 820 conj. 601
Porto Alegre/RS - BRASIL - CEP 90010-460
Telefone 55 (51) 3226-4111 - Ramal: 4000
Fax: 55 (51) 3226-1219
contato@inema.com.br
SIP:4000@sisnema.com.br
SISNEMA